Amamentação

Como os seios produzem leite materno?

Como os seios produzem leite materno

O corpo da mulher se prepara para amamentar antes mesmo de dar à luz. Os seios mudam enquanto ela está grávida. Essas mudanças, portanto, permitem que os seios produzam leite materno e podem deixa-los mais cheios e macios.

Uma vez que o bebê nasce, a sucção libera hormônios em seu corpo que fazem com que seus seios produzam e liberem leite.

Caso a mãe fique preocupada que isto não tenha acontecido, é preciso procurar um profissional em amamentação. A opinião do médico também deve ser ouvida.

Papel dos seios

A produção de leite ocorre dentro dos alvéolos, que são aglomerados de células semelhantes a uvas dentro da mama. Uma vez que o leite materno é feito, ele é espremido através dos alvéolos para dutos de leite. Estes dutos se assemelham a rodovias. Os ductos transportam o leite através da mama.

O tamanho dos seios não afeta a capacidade de amamentar. Muitas mulheres com seios pequenos produzem a mesma quantidade e qualidade de leite que mulheres com seios maiores.

Papel do cérebro na produção de leite materno

Quando o bebê suga, ele envia uma mensagem ao cérebro da mãe. O cérebro então sinaliza os hormônios, prolactina e oxitocina para serem liberados. A prolactina faz com que os alvéolos comecem a produzir leite. A ocitocina faz com que os músculos ao redor dos alvéolos espremam o leite através dos dutos de leite.  

Publicidade
Continua após a publicidade..

Quando o leite materno é liberado, é chamado de reflexo de descida. Os sinais de liberação de leite são:

  • Formigamento, plenitude, dor incômoda ou aperto nos seios (embora nem toda mãe sinta isso);
  • Leite escorrendo no peito;
  • Cólicas uterinas depois de colocar o bebê no peito nos primeiros dias após o nascimento.

Para liberar o leite, a mãe pode testar estes métodos:

  • Encontrar maneiras de relaxar;
  • Colocar uma compressa quente nos seios;
  • Massagear os seios e tirar um pouco de leite naturalmente.

Papel do bebê

O bebê ajuda na produção de leite sugando e removendo o leite do peito. Quanto mais ele sugar, mais leite será produzido. A amamentação frequente ajuda a produzir uma boa quantidade de leite.

O leite continuará a variar de acordo com as necessidades do bebê. No início, pode parecer que a mãe não está fazendo mais nada a não ser amamentar o bebê, mas mais para frente virão os resultados.

Mariana Bastos Gomes Nolasco

37 anos, casada, residente de Itaperuna.

Possui Graduação em:
Estética (2008),
Nutrição (2013),
Atualmente cursando Medicina (término em 2024).

Pós-Graduação em:
Docência do Ensino Superior;
Nutrição Clínica Funcional e Fitoterapia;
Neurociêntista.

Membro da Associação Brasileira de Nutrição Materno Infantil (ABRANMI).

Formação complementar: Doula, Consultora de Sono Infantil, Educadora Parental Infantil, Consultora em Aleitamento Materno, Laser terapeuta, Costureira Industrial do Vestúario, Modelagem Feminina e Maquiagem Profissional.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *