Gestante e Grávida

Como os sentidos do bebê se desenvolvem no útero

Os sentidos do bebê começam a se desenvolver desde o momento da concepção. O primeiro sentido é o tato, surgindo na terceira semana, antes mesmo da mulher saber que está grávida. Na décima segunda semana, o bebê começa a sentir e a responder ao toque em todo o corpo, com exceção do topo da cabeça.

Além destes, entenda neste artigo como os outros sentidos se desenvolvem na barriga.

SISTEMA AUDITIVO

O sistema auditivo fica praticamente intacto na 20ª semana de gestação. Para que os nervos que conduzem sons comecem a funcionar leva algumas semanas. Todavia, com 23 semanas, o bebê pode responder a ruídos altos, podendo sacudir ou até mesmo soluçar após ouvir um som alto.

PAPILAS GUSTATIVAS

As papilas degustativas são responsáveis por captar os estímulos de sabores dos alimentos em diferentes regiões da língua. No bebê dentro da barriga, elas surgem com 8 semanas e, por volta das 13-15 semanas. Sendo assim, qualquer alimento que a mãe coma, poderá dar sabor ao líquido amniótico. Ainda não há certeza de quando o bebê começa a sentir o paladar, mas o que se sabe é que o bebê prematuro de 33 semanas suga com mais força nos mamilos adoçados.

OLFATO

O olfato se desenvolve junto com o paladar. O bebê pode sentir cheiro ao longo do terceiro trimestre de gravidez. A placenta se torna permeável, fazendo com que o bebê entre em contato com cheiros. Uma curiosidade interessante, é que o bebê também pode associar o cheiro da mãe ao leite.

Publicidade
Continua após a publicidade..

VISÃO

Dos sentidos do bebê, o sistema visual é um dos únicos a não receber estímulo dentro do útero. Embora os olhos captem pontos de luz, a retina e o cérebro do bebê não são capazes de processar informações nos primeiros meses. Entretanto, o pequeno consegue identificar o rosto de pessoas de maior convivência, em especial a mãe.

Gostou do artigo? Confira outros de temas variados aqui no nosso blog.

Mariana Bastos Gomes Nolasco

37 anos, casada, residente de Itaperuna.

Possui Graduação em:
Estética (2008),
Nutrição (2013),
Atualmente cursando Medicina (término em 2024).

Pós-Graduação em:
Docência do Ensino Superior;
Nutrição Clínica Funcional e Fitoterapia;
Neurociêntista.

Membro da Associação Brasileira de Nutrição Materno Infantil (ABRANMI).

Formação complementar: Doula, Consultora de Sono Infantil, Educadora Parental Infantil, Consultora em Aleitamento Materno, Laser terapeuta, Costureira Industrial do Vestúario, Modelagem Feminina e Maquiagem Profissional.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *